teorias há muitas

tal como os chapéus, no pátio das cantigas; 

a pertinência troca de ideias faz com que puxe para este meu cantinho, o artigo de daniel sampaio sobre a indisciplina

no contexto do artigo destaco uma referência
A sala de aula permanece sem grandes mudanças: professores exaustos a tentar “controlar” a turma, alunos desatentos ou agressivos para com os docentes. Falta a pesquisa, o trabalho de grupo, a utilização da experiência de laboratório, as visitas de estudo a locais que tenham a ver com a vida dos estudantes de hoje
podia destacar mais, mas o problema, considerando o que vejo na minha escola/agrupamento, passa pelo isolamento dos docentes, pelos receios que cada um considera na gestão da mudança, nas dúvidas e hesitações que se colocam em equacionar outros modos de fazer a coisa; no isolamento a que o docente fica sujeito quando surgem críticas e comentários; 

falta, essencialmente, uma capacidade local de acompanhar e monitorizar processos de mudança; sem isso, sem essa capacidade de acompanhar e perceber o que há e o que se quer, os problemas mantém-se; e dão jeito a alguns, diga-se...

Comentários

Mensagens populares deste blogue

o envolvimento do aluno

militância

Fomos ao teatro