regulação

noutro lado das redes surgiu um comentário que considero deveras pertinente, sobre o processo de auto regulação das aprendizagens dos alunos;
penso que o conceito surge enquanto forma de reconfigurar dinâmicas de trabalho em sala de aula, re definir processos de trabalho e de envolvimento do aluno; se for assim estou nessa;

este espaço surgiu exatamente para dar conta e partilhar ideias sobre uma forma (a minha) de trabalhar em sala de aula, uma forma que tenho a arrogância e a impertinência de considerar diferente; não tenho uma designação, um nome, para a designar, é algo entre
pedagogia diferenciada, pela qual comecei nos idos anos 90 do século passado a propósito do então programa educação para todos e com o Senhor joão belém e que alimentei posteriormente com i. sanches ou f. perrenoud, entre outros,
trabalho de projeto, mediante a apresentação do problema e o estabelecimento do prazo e das condições para a sua resolução;
ou princípios do movimento da escola moderna, isto é, de considerar o aluno como sujeito e não objeto da sua aprendizagem e, aqui sim, enquanto elemento de regulação da (sua) aprendizagem;
tudo articulado com processos de avaliação assentes no portefólio do aluno e na regulação, permanente, semanal e cruzada do trabalho e das dinâmicas, entre o aluno, o professor e o grupo ou turma;

não tem sido coisa fácil,
perante o aluno, habituado que está a uma dinâmica monocromática, à quase total dependência do que o professor manda e dispõe (mas ultrapassados os primeiros momentos nem considera outra forma de trabalhar, levando a problemas com os colegas docentes);
perante os pais/encarregados de educação que consideram que aprende-se é com testes, desconfiam de processos diferentes como se tivessemos que ser todos iguais;
perante colegas docentes que não percebem o que faço ou o que ando a fazer e que não poucas vezes se sentem condicionados por aquilo que os alunos dizem e comentam;

mas que tem resultado e que me dá um enorme gozo perceber e ver o quanto o pessoal cresce, disso não tenham dúvidas;

Comentários

Mensagens populares deste blogue

em pausa pedagógica

a sociedade na sala de aula

de regresso