uma questão de orientação

há muito que trabalho mediante a resolução de problemas, tendo por base metodologias de projeto;

desde sempre que anoto as minhas ideias, crio apontamentos, leio e analiso processos e resultados no sentido de corrigir e adequar as situações aos públicos;

este ano, por via deste texto e de pesquisas posteriores, sinto que as ideias estão manifestamente mais claras e o trabalho muito mais orientado;

considero importante (determinante) no trabalho de projeto, três situações ou momentos:

um primeiro mediante a definição de uma questão de orientação - questão/problema, que oriente o aluno, contextualizada a si e aos seus interesses (ou pelo menos em termos de proximidade física);

um segundo momento mediante o acompanhamento das tarefas, a definição das etapas, dos pontos de referência pelos quais terá de passar o trabalho do aluno - determinante na aferição do processo, na avaliação intercalar;

terceiro e último momento, a avaliação em si, saber adequar critérios ao processo, perceber resultados e instrumentos, envolvimento individual e de grupo - este ano tenho utilizado as metas de aprendizagem como elemento de referência, não me tenho dado mal;

Comentários

Mensagens populares deste blogue

o envolvimento do aluno

militância

Fomos ao teatro