Delegados e marionetes

Nos tempos que correm tenho de reconhecer e enaltecer o papel dos diretores de escola;
Perante as politicas e as ordens que proliferam que nem cogumelos em criador, mais não são que simples delegados locais do ministério, meras marionetes de vontades alheias;
Por esta minha região Alentejo conheço poucos com audácia, arrojo ou sequer capacidades de re interpretar (e justificar) normas e regras; mas os tempos e as políticas que temos deixam-lhe ainda menos espaço para o que quer que seja;
Ser diretor nos tempos que correm é um desafio, mas também um enorme risco...

Comentários

Mensagens populares deste blogue

de regresso

em pausa pedagógica

mudar