os maus bons e os bons ... menos bons

a imagem dá conta de notícia do público de hoje, em forma de espanto, de surpresa; 

também pelo meu agrupamento muitos ficaram espantados quando, em processo de análise de resultados finais, se constata (descobre, mostra, ...) que aquela que era considerada a pior turma é aquela em que quase todos transitaram - estatisticamente fica muito perto do topo em resultados (média) e transições; 

em contrapartida, aquela que era considerada a melhor ou, pelo menos, das melhores, é aquela em que mais gente "chumba," "reprova", fica retida; 

uns dirão que é factor de exigência, outros obra do facilitismo, consoante as situações, as turmas ou o jeito que a coisa dá; 

será que é possível de enquadrar em teroria o que a prática determina?

Comentários

Mensagens populares deste blogue

de regresso

em pausa pedagógica

mudar